27 de mar de 2014

Após ajuda na web, fã deficiente de oito anos de idade conhecerá o Kiss

Isaac faz pose para foto


Um garotinho norte-americano muito fã do Kiss verá seu sonho se tornar realidade e conhecerá a banda graças à ajuda de diversos internautas.
 
Diagnosticado com Síndrome de Nager logo após seu nascimento, Isaac tem oito anos de idade e já foi submetido a uma traqueostomia (procedimento para permitir a chegada de ar aos pulmões), usa um tubo para conseguir se alimentar e, também por conta da doença, tem os braços mais curtos que o normal e problema no desenvolvimento dos dedos da mão.
 
"Quando ele nasceu, havia apenas 90 casos da doença registrados e apenas 24 sobreviventes", conta a mãe dele Natasha Miller, em entrevista à emissora da cidade de Hazard, no Kentucky, "WYMT-TV". 


Segundo ela, no sexto mês os médicos a recomendaram interromper a gravidez pois as chances de o feto nascer com uma anomalia eram enormes. Oito anos depois, Isaac segue firme e forte, tendo se tornado um grande fã do rock produzido nos anos 70.
 
A mãe conta que o pequeno descobriu esse tipo de som a partir de vídeos do YouTube, e se encantou, principalmente, pelo Kiss. 


"Desde então nossa vida tem sido festas de aniversário com o Kiss como tema, Kiss no Halloween, ele quer que tudo esteja sempre relacionado ao Kiss", contou Miller.
 
Poucos dias atrás ela descobriu que a banda se apresentará em Cincinnati, onde Isaac nasceu. 


"Fiquei muito feliz que as pessoas começaram a se dedicar e ajudar para que ele conseguisse ir ao show", disse. 


Um site de arrecadação de fundos para os ingressos foi criado e em menos de 24 horas eles já tinham atingido a quantia de US$ 1,3 mil, contando com a ajuda até do fã-clube oficial Kiss Army.


"Quando eu falei que já tínhamos o dinheiro suficiente para os ingressos, eles não quiseram interromper a arrecadação porque queriam que o Isaac andasse de limousine, ficasse em um bom hotel e tivesse uma camiseta de cada tipo", contou a mãe.


A turma ainda se esforçou para conseguir a atenção do próprio Kiss. E deu certo: uma das pessoas que trabalha diretamente com a banda entrou em contato com Natasha Miller dizendo que eles não precisariam se preocupar com mais nada porque a equipe se encarregaria de atender a Isaac e fazê-lo conhecer os ídolos Gene Simmons, Paul Stanley e os outros integrantes.


O show está marcado para o dia 15 de julho e integra a turnê conjunta do Kiss e do Def Leppard.




Nenhum comentário:

Postar um comentário