28 de abr de 2016

Exposição CAOS ON CANVAS II traz obras de cegos



A Laramara (Associação Brasileira à Pessoa com Deficiência Visual) promove exposição sobre o universo do surf que conta com duas obras artistas cegos. A mostra CAOS ON CANVAS II acontece de 29 de abril a 6 de maio, no Hotel Unique, em São Paulo.



Com curadoria de Didu Losso, a exibição das obras integra projeto de intervenção em fotografia, promovendo a disruptura da arte por meio de uma forma diversificada de estilos, exercitando um novo olhar de seus expectadores, com 33 quadros.


A temática aborda um novo olhar sobre o surf, modalidade esportiva que conquista cada vez mais fãs no Brasil graças ao sucesso dos atletas nacionais no circuito mundial. Dois dos quadros foram pintados a partir de imagens selecionadas do fotógrafo Ricardo Borghi.


Cada obra une cor e textura à sensibilidade dos artistas com deficiência visual, além de ter o objetivo de promover a inclusão social em exposições de arte. 


Na obra “Jaqueira,” os pintores criaram a paisagem com tons de ocre, vermelho, amarelo e pontilhados em diversas tonalidades de marrom. 


Já o quadro “Profundo Olhar” ganhou intervenção por meio de colagens e pintura para retratar o fundo dos oceanos onde existem grandes ilhas de lixo que os olhos não veem.


A mostra CAOS ON CANVAS II, que possui 33 quadros e contou com a colaboração de Adriano Ricardi, Alê Jordão, Rene Machado, Revolue, Sarah Chofakian, Tim Armstrong e Tul Jutargate. 


Em maio, a iniciativa também chega em Los Angeles, EUA, na Galeria Vinícius de Moraes, em parceria com o Consulado Geral do Brasil


Todas as obras estarão eternizadas em um livro homônimo ao da exposição, à venda na ocasião da abertura e também no site do projeto. Após o período, a publicação chega às livrarias do país.



***


Exposição CAOS ON CANVAS

 

Quando: de 29 de abril a 6 de maio de 2

Horário: das 10h às 17h
 
Onde: Lobby do Hotel Unique

Endereço: Avenida Brigadeiro Luís Antônio, 4.700, Cerqueira Cesar, São Paulo – SP  

Quanto: entrada gratuita  

Obs.: a classificação indicativa é de 14 anos (desacompanhados). Menores que 14 anos, somente acompanhados dos pais ou responsáveis


*** 

 
Fonte: Vida Mais Livre



Nenhum comentário:

Postar um comentário