29 de mai de 2013

Criação da Secretaria Municipal da Pessoa com Deficiência de João Pessoa (PB) vira meta de gestão para 2014

 


Na terceira audiência pública que define as prioridades à Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) para o exercício financeiro de 2014 no município de João Pessoa, entre as metas está o projeto de indicação, apresentado ano passado pelo vereador Raoni Mendes(PDT), que estabelece a criação da Secretaria Municipal da Pessoa com Deficiência - SMPD

 A sessão ocorreu na tarde desta segunda-feira (27), na Câmara Municipal de João Pessoa (CMJP).

De acordo com o parlamentar, com a criação da SMPD será garantido o atendimento aos deficientes, incluindo-se as pessoas autistas, por meio do diagnóstico e do tratamento especializados. 

A iniciativa de acatar a ideia do seu mandato de criar a Secretaria da Pessoa com Deficiência foi elogiada pelo vereador Raoni, “com a criação da SMPD, os familiares das pessoas com deficiência terão melhores condições de obter o diagnóstico e o posterior tratamento, por exemplo, para os autistas. Sem dúvida, a iniciativa da criação da SMPD resultará num grande avanço para o desenvolvimento social e a saúde pública em nosso município”, ressaltou.

Segundo dados do último Censo do IBGE, João Pessoa conta com 90 (noventa) mil pessoas com algum tipo de deficiência, o que confere a nossa cidade, proporcionalmente ao número de habitantes, a terceira posição entre as capitais do país com maior número de pessoas com algum tipo de deficiência.

“Essa propositura do vereador Raoni Mendes fez com que abrisse uma nova visão de política pública em João Pessoa voltada para as pessoas com deficiência. 

Quando se tem uma secretaria significa a conquista de autonomia, é o maior instrumento para assegurar ações e transformações necessárias na garantia dos direitos e qualidade necessária no bem viver”, vislumbrou o presidente da AC Social – assessoria e consultoria para Inlcusão Social, Genilson Machado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário