3 de abr de 2014

Central de Libras é aberta em Teresina (PI)

Alfabeto em Libras
 

Teresina (PI) foi beneficiada nessa sexta-feira (28) com a Central de Libras, que vai oferecer serviço gratuito de interpretação em Língua Brasileira de Sinais (Libras) para os surdos que necessitem de acompanhamento e interpretação em delegacias, hospitais, fóruns e demais órgãos públicos.
 
A Central de libras faz parte de um termo de Convênio da Secretaria Municipal do Trabalho, Cidadania e Assistência Social (SEMTCAS), vinculada a Prefeitura de Teresina com a Associação de Pais e Amigos dos Deficientes Auditivos (APADA-PI).
 
A APADA é uma entidade sem fins lucrativos que atua desde 1991, formada por pais de deficientes auditivos e profissionais engajados na luta por melhores condições de vida para estas pessoas.


“Esse serviço público de tradução e interpretação em libras vem facilitar a comunicação e interação desse segmento à sociedade, em especial aos serviços públicos e significa um importante passo para proporcionar uma independência aos surdos, como reza a convenção sobre os Direitos da Pessoa com deficiência da ONU. 


A Central também vem agregar esforços no sentido de enfrentarmos e combatermos a segregação das pessoas com deficiência, facilitando a sua participação de forma mais ativa na vida da nossa cidade”, relata a Secretária da Semtcas, Mauricéia Carneiro.
 
A central deve funcionar no horário de 8 às 18h, de segunda à sexta-feira. Já aos sábados, o atendimento será das 8 às 12h. 


A unidade utiliza terminais de computador e webcam para que o cidadão surdo possa conversar à distância, pelo monitor, com contato visual, através da língua de sinais, com intérpretes de Libras e agendar atendimento. 


Os interessados em utilizar a central devem se cadastrar e agendar o acompanhamento do intérprete também por meio de telefone.


“Esta obra é grande porque significa garantia de direitos e combate a exclusão. Temos convicção que nesta data estamos de forma simbólica renovando nosso compromisso na garantia de direito e na garantia de inclusão. 


Queremos que este laboratório seja transformado num ponto focal para toda a comunidade surda da cidade de Teresina, que eles possam fazer dessa conquista, conquista deles, que ao longo do tempo batalharam, superaram e venceram e que agora irão ter novas vitorias”, afirma o Prefeito Firmino Filho.


Fonte: Vida Mais Livre

Nenhum comentário:

Postar um comentário