20 de set de 2016

MRV Engenharia lança portal de acessibilidade



A MRV Engenharia lança amanhã, 21/09, Dia Nacional de Luta da Pessoa com Deficiência, o portal de acessibilidade da companhia. 


O site reúne informações sobre como os empreendimentos da construtora contam com espaços comuns acessíveis e informa todas as adaptações que podem ser feitas nos imóveis para que não ofereçam limitações aos clientes com deficiência.


Desenvolvido pela agência Open e com vídeo criado pela Impacto Comunicação o Portal contempla formas de acesso para todas as pessoas com deficiência com atendimento para pessoas com deficiência na fala, conteúdo para deficientes visuais, auditivos e recurso para pessoas com daltonismo.


Segundo o censo realizado pelo IBGE, Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, em 2010, o Brasil contava com 45,6 milhões de pessoas que declararam ter ao menos um tipo de deficiência, o que corresponde a 22,4% da população brasileira


Dos imóveis lançados pela companhia de 2014 até final do primeiro semestre de 2016, 2.260 apartamentos são adaptáveis para portadores de necessidades especiais.


Para o Diretor de Marketing da MRV Engenharia, Rodrigo Resende estar atento às demandas desse público e investir em acessibilidade representa a forma mais pura de exercício da cidadania. 


“Acreditamos que a acessibilidade é não apenas permitir que pessoas com necessidades especiais ou mobilidade reduzida possam participar de atividades que incluam o uso de produtos, serviços e informação, é também eliminar todos os tipos de barreiras  que dificultem a inclusão destas pessoas."


Por isso, para que os imóveis atendam a todos os clientes que tenham necessidades especiais e ou mobilidade reduzida os empreendimentos da MRV  contam com:


  • Rampas de acesso na entrada e nas áreas de lazer dos residenciais;
  • As vagas de garagem são próximas à entrada dos edifícios;
  • Os espaços nos cômodos contam  giro de 180º da cadeira de rodas; 

  • O chuveiro é instalado na parede lateral do box; 

  • Existe a área de aproximação para abertura das portas;
  • A cozinha conta com  mínimo de 1,80 metro de largura e o banheiro com mínimo de 1,50 metro de largura, 
  • Há espaço para transferência da cadeira de rodas para o vaso; 
  • Pias rebaixadas;
  • Interruptores instalados à altura das mãos de um cadeirante 


Conheça o portal de acessibilidade da MRV pelo endereço http://www.mrv.com.br/acessibilidade/


 
Fonte: Revista Incluir



Um comentário:

  1. Essa questão me deixa muito triste e muito mais triste saber que mesmo eu ganhando na justiça, tendo um parecer da Procuradora da republica a MRV Engenharia, senhor Rubens Menin e Caixa Econômica Federal (MCMV) nada fez até o momento pela troca do meu apartamento.....Lamento sinceramente também compartilhar essa má notícia, pois é muito desgastante para mim.....Obrigado a todos!
    Eu fui enganado pela MRV Engenharia e agora eles TENDO EM VISTA o mercado PNE/PCD e as leis que defendem os direitos dos deficientes laçam esse portal, essa mentira....VERGONHOSO MRV e senhor Rubens Menin. CADÊ MEU APARTAMENTO ADAPTADO QUE EU COMPREI E VOCÊS ME ENGANARAM já são 11 meses de espera e luta.LEIAM e compartilhem para fazer a justiça.: http://www.reclameaqui.com.br/tyYS34-9V3xv0XdP/caixa-economica-federal/cef-caixa-economica-federal-e-mrv-engenharia-descumprem-lei-federal-13-146-lbi--me-venderam-apartamento-para-pne-pcd-pelo-programa-minha-casa-minha-vida-e-me-entregaram-imovel-normal-sem-nenhuma-adaptacao-e-ainda-com-documentacao-totalmente-errada-apto-/ #rubensmenin #mrvengenharia #Imprensacaixa #acessibilidade #mrv #mcmv #caixa #justiça #oab #lei #LBI #Deficientes #OAB

    ResponderExcluir