31 de ago de 2014

Fita laranja e shows no Ibirapuera marcam o Dia de esclerose múltipla

 


A Associação Brasileira de Esclerose Múltipla (ABEM) preparou um evento especial, no Parque do Ibirapuera, para o Dia Nacional de Conscientização sobre Esclerose Múltipla, comemorado em 30 de agosto. 


Foram  diversos shows, realizados no domingo, 31, das 11 às 16 horas, na Arena de Eventos do Parque do Ibirapue. 


Além de um momento de descontração, com shows, havia uma equipe para melhor esclarecer a doença, bem como material educativo. Toda a programação está disponível no site da associação: abem.org.br

Em 2014 a comemoração foi especial. Além de mais um esforço para conscientizar a população sobre a patologia que atualmente atinge mais de 30 mil brasileiros, a ABEM comemora seus 30 anos de fundação. 


Para marcar essa data, a entidade trouxe para o Brasil a Fita Laranja, símbolo da conscientização sobre a Esclerose Múltipla.


“O pessoal da ELA tem o balde de gelo, nós, a Fita Laranja”, brinca Camila Spinelli Castro, paciente assistida pela ABEM. 


“Para nós, é uma forma de disseminar informações sobre a doença e quebrar, de certa forma, o preconceito velado sobre a patologia. Poderemos nos reconhecer pela pequena e simpática fita no peito. Tenho certeza que muitos sorrisos serão trocados neste dia”.


O grupo formado pelos associados confeccionaram mais de 4 mil Fitas Laranjas que serão utilizadas para marcar a data. 


“Assim ganhamos força, chamamos a atenção e multiplicamos conhecimento e informação sobre a esclerose múltipla”, completa Suely Berner, diretora superintendente da ABEM. A Fita Laranja pode ser comprada no site ABEM. 


O dinheiro arrecadado será destinado integralmente aos serviços oferecidos pelo Centro de Convivência da ABEM.


Curiosidade 


Segundo o site Health.com, fitas da consciência provêm de fitas amarelas usadas pela primeira vez como um sinal de solidariedade para com uma mulher cujo marido tinha sido tomado como refém no exterior e, em seguida, durante a Guerra do Golfo como uma expressão do desejo de retorno seguro dos soldados. Com o passar do tempo, a iniciativa foi se expandindo e diversas causas adotaram suas cores. 


O que é esclerose múltipla?


De causa ainda desconhecida, a esclerose múltipla é uma doença que atinge adultos jovens e compromete o sistema nervoso central, caracterizada pela desmielinização das proteínas da bainha de mielina, capa de proteção do axônio por onde passam os impulsos nervosos. 


Esse processo é conhecido pela inflamação crônica e por ser um processo autoimune que pode causar desde problemas momentâneos de visão, falta de equilíbrio até sintomas mais graves, como cegueira e paralisia completa dos membros. 


É uma das doenças que mais causam a incapacidade de jovens adultos, com idade de 20 a 40 anos, atingindo principalmente mulheres. Fatores ambientais, genéticos e o tabagismo podem influenciar o aparecimento da esclerose múltipla. 


Embora ainda sem cura, hoje muitos tratamentos utilizados visam a modificar a evolução da doença, minimizando a atividade inflamatória e suas consequências sobre o sistema nervoso e, consequentemente, melhorar a qualidade de vida de seus portadores.


Sobre a ABEM


Com sede na cidade de São Paulo, a Associação Brasileira de Esclerose Múltipla (ABEM), fundada em 1984, é uma instituição filantrópica, sem fins lucrativos, que possui a missão de fornecer melhor qualidade de vida às pessoas que convivem com a doença.


Com apoio de equipe multidisciplinar, a instituição auxilia 150 pacientes e realiza mais de 900 atendimentos mensais.


 Fonte: Rede Saci


Nenhum comentário:

Postar um comentário